• STATO

Como gestor, cuidado com suas preferências sobre trabalho presencial e remoto.



Como gestor, você sempre precisa se atentar a suas preferências pessoais. No gerenciamento de um time híbrido, é particularmente importante se atentar ao comportamento de viés de proximidade, ou seja, a tendência pela preferência de colaboradores pessoalmente ao invés do modelo híbrido ou remoto.


Uma boa sugestão é iniciar o processo de cultura de entregas com excelência de qualquer lugar. Regularmente mostre que entregáveis de altos padrões, colaboração efetiva e inovação são itens que superam a locação do colaborador, que pode ser presencial ou remoto. Em seguida, estabeleça ritos ou agendas fixas com seus colaboradores diretos; tente, inicialmente, reuniões semanais ou quinzenais.Isso ajudará a criar um contato mais próximo, gerando ações personalizadas de contato com os profissionais que têm uma maior frequência no trabalho remoto.


Essa proximidade lhe dará visibilidade sobre a performance e volume de trabalho dos colaboradores remotos, assim como um direcionamento a você, gestor, de quando eles precisam de seu suporte.


Por último, se atente a análise equilibrada de todos os seus diretos. Assegure que reuniões e fluxos de trabalho não se tornem um obstáculo que minimize a capacidade dos trabalhadores remotos de contribuir, participar e realizar um excelente trabalho.


Publicação adaptada do artigo What Is Proximity Bias and How Can Managers Prevent It?,” por Gleb Tsipursky.