• STATO

Confira os setores que mais contrataram no 1º semestre

Entre Janeiro e Junho deste ano a indústria brasileira gerou 408.500 empregos formais, segundo números do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados divulgados ontem pelo Ministério da Economia.

Segundo o governo, este é o melhor resultado para o período desde 2014. O cenário indica uma mudança favorável na geração de empregos, que vinha em queda nos últimos três anos quando analisada a primeira metade dos 12 meses.

De acordo os dados, sete dos oito setores da economia contrataram mais do que demitiram em 2019, com destaque para a área de “Serviços”. Confira abaixo as estatísticas separadas por cada segmento:

. Serviços: +272.784 . Agropecuária: +75.380 . Indústria de Transformação: +69.286 . Construção Civil: +57.644 . Administração Pública: +15.657 . Serviços Industriais de Utilidade Pública: +3.340 . Extrativa Mineral: +3.181

O comércio foi o único setor que teve queda no número de vagas abertas no período.

Onde estão as oportunidades?

Os dados divulgados pelo governo mostram que a região Sudeste concentra o maior número de posições novas no primeiro semestre, com 251.656. Na sequência vêm as regiões Sul, Centro-Oeste, Norte e Nordeste.